Menu

Turismo

01 – Ponte Ayrton Senna
Tem no seu currículo números colossais de materiais usados na sua construção, possui na parte central uma curvatura em formato de tobogã. Com uma extensão de 04km, essa majestosa obra é responsável pela ligação de Guaíra até Mundo Novo, no Mato Grosso do Sul, e também caminho para quem procura compras no Paraguai.

02 – Rio Paraná
É o maior sistema hidrográfico da Bacia do Prata. Estabelece divisa entre os estados do Paraná e Mato Grosso do Sul e a República do Paraguai. Possui diversas ilhas, é navegável numa grande extensão. Seja para a pesca ou apenas para momentos de lazer nas bancas de areia que se formam durante o verão, o Rio Paraná constitui-se em grande opção de turismo.

03 – Parque Nacional de Ilha Grande
Fica entre os Estados do Paraná e Mato Grosso do Sul, formado pelo conjunto de ilhas que compõem o arquipélago fluvial da Ilha Grande e por áreas de várzeas marginais ao leito do Rio Paraná. Constituído por mais de 250 ilhas e ilhotas que somam 78.875ha, a região faz parte do único trecho não represado do Rio Paraná em território brasileiro. O acesso acontece via passeios turísticos no Rio Paraná por agências do município.

04 – Lagoa Saraiva
Formada dentro da Ilha Grande, com área de 20km de extensão, profundidade de 12 a 13 metros e água quente. Além de refúgio biológico, é um local de reprodução de peixes, onde é possível observar fauna e flora este espaço. Aconselha-se levar repelentes contra diversos insetos e protetor solar.

05 – Ilha São Francisco
Reflorestada pelo artista plástico Frei Pacífico. Conta com árvores frutíferas e mangueiras. Existe instalação de galpão para refeições, além de trilha ecológica e pequena lagoa.

06 – Centro Náutico Recreativo (Marinas)
Construído como um “ressarcimento” à cidade de Guaíra pela perda das Sete Quedas. As Marinas (como é conhecida pela população) ocupam uma área de 14 alqueires, ali são realizados os eventos oficiais do município, dentre eles a Festa das Nações. O local possui canchas poliesportivas, quadras de futebol suíço, marina com ancoradouro, lago artificial interno, moderno camping e churrasqueiras, entre outros equipamentos, além de área ecológica, com bosques para caminhada.

07 – Base Náutica
Em anexo as Marinas, foi construída no ano de 1997 para abrigar os Jogos Mundiais da Natureza. O local também já foi palco dos jogos indígenas, que aconteceu no ano de 1999. Todos os anos recebe no mês de outubro o Torneio Internacional de Pesca.

08 – Caminhada Ecológica
Os visitantes podem percorrer uma estrada do antigo Parque das Sete Quedas até o Lago de Itaipu. O caminho é asfaltado e fica dentro de uma área militar. Nesta área só é permitido a entrada de pedestres e a caminhada obrigatoriamente deve ser feita somente no espaço delineado pela estrada. Aberto todos os dias das 08h às 18h. É necessário apresentar carteira de identificação na portaria do quartel.

09 – Vila Velha
Área antiga da cidade. Ali se encontra algumas das edificações que foram construídas pela Companhia Mate Laranjeira no início do século XX.

10 – Igreja Nuestro Señor Del Perdón
Construída no início do século em estilo normando, com pedras brutas, a igreja foi inaugurada em novembro de 1934, pela Companhia Mate Laranjeira. Possui algumas telhas retiradas da Ciudad Real Del Guahyrá, antiga redução jesuíta que existia nas proximidades de Guaíra, datada de 1557, destacando-se ainda seus vitrais de origem hispano-argentino, que evocam a catequese realizada pelos jesuítas e cujos santos têm feições indígenas, como Ignácio de Loyola, Roque Gonçalves e outros padres e mártires das reduções. Aberta todos os dias das 08h às 18h na Rua Getúlio Vargas, celebra missas todas as quartas-feiras às 18h30m.

11 – Casa da Dona Lucila
Uma residência tipicamente paraguaia instalada na Rua Monjoli, 94, bairro Vila Velha. No local foi construída a Capela de Nossa Senhora de Caacupê, e a cada dia 08 de dezembro, uma grande festa popular é realizada em louvor à padroeira do Paraguai. De segunda a sexta na parte da tarde, no local é servido pães e chipas paraguaias quentinhas.

12 – Locomotiva nº 04
O marco da primeira ferrovia do oeste Paranaense, que ligava o município de Guaíra a Santa Helena. Construida pela Companhia Mate Laranjeira em 1910, para transporte de erva-mate, madeiras de lei e posteriormente, os turistas que vinham conhecer as Sete Quedas. A Locomotiva nº 04 está exposta na Praça Eurico Gaspar Dutra, na Avenida Sete de Setembro na Vila Velha.

13 – Museu Sete Quedas
O Museu Municipal teve origem na década de 80, com uma mostra fotográfica. Com o tempo o acervo aumentou e foi necessário transferi-lo para um outro imóvel. Em 2012 veio para a Vila Velha, bairro histórico de nossa cidade, o prédio já foi sede administrativa da Mate Laranjeira em Guaíra.

14 – Cine Teatro Sete Quedas
Montado em um antigo edifício construído para servir de depósito da Companhia Mate laranjeira, mais tarde, o local foi utilizado para chamuscar as folhas da erva-mate. Na década de 40 foi transformado em centro cultural. Recentemente passou por uma grande reforma, adaptando-se para a exibição de filmes e peças teatrais. Localizado na Rua Luciano Soares 55, fone (44) 3642-2185.

15 – Casa do Artesão
Localizada no centro da cidade de Guaíra perto da rodoviária. Nela, o visitante poderá adquirir peças de artesanato típico da região de Guaíra.

16 – Atelier do Frei Pacífico
Artista plástico de renome, esse ex-frei franciscano decidiu dedicar a sua vida à defesa da flora e da fauna, retratando as belezas da natureza e da cultura indígena em peças de madeira. Possui um acervo de aproximadamente 300 peças, expostas para exposição e venda. Visitas podem ser agendadas pelo fone: (44) 3642-2698.

17 – Cruzeiro das Missões
Instalado na Avenida Mate Laranjeira junto ao Chafariz é constituído por uma grande cruz de madeira com 10m de altura, trabalhada inteiramente à mão, tendo ao seu lado um púlpito talhado em madeira bruta. Sua construção data de 1967, sendo símbolo religioso feito em homenagem às missões.

18 – Igreja Nossa Senhora dos Navegantes
Fundada no dia 10 de fevereiro de 1955, a Paróquia Nossa Senhora dos Navegantes possui uma arquitetura singular representada por duas abóbodas. No seu interior uma grande cruz com um Jesus de feição indígena é um detalhe a parte. Recentemente foi elevada ao nível de Igreja Dedicada, possui missas diariamente as 06h30m e 18h30m, na Praça João XXIII, Nº 100.

19 – Feira do Produtor
Ponto de encontro da cidade, acontece todas às quartas-feiras à noite e aos sábados pela manhã na Praça Duque de Caxias. No sábado a feira é hortifrutigranjeira. Na quarta, a feira se destaca pela gastronomia.

20 – Maracajú dos Gaúchos
A localidade possui uma comunidade quilombola e propriedades que exploram o turismo rural. No local está instalada a Casa do Agricultor, especializada e produtos coloniais. Fica na BR 163 distante 18 quilômetros da sede urbana.

21 – Kartódromo Ayrton Senna
Possui uma pista de 700m de extensão cujo o piloto Ayrton Senna correu no ano de 1982. Localizado na Rua Gabriel Passos, esquina com a Rua Riachuelo no Módulo Esportivo Municipal.